segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Delete o sono...

...e tenha uma Noite de Insônia Bem Elaborada.
Então peguei o papel e descrevi o que senti no exato momento.
"Meu coração treme no ritmo de minhas mãos. Minha cabeça dói apenas do lado direito (sei lá por quê). Neste instante percebo a lapizeira tremer. Nada mais justo.
Tenho 21 anos em meu 7º emprego desde os 18 quando comecei a trabalhar. Me esforcei ao máximo em todas as escolas apesar de raramente ter o trabalho reconhecido. Serei demitida esta semana???(porque mó galera está sendo demitida DO NÁÁÁDA)
Os alunos ficaram arrasado por não terem cantado como ensaiaram. Por que o professor que os ensaiou não tomou as rédias??? (Talvez porque por ele, nem teria ido) Estou arrasada pelos alunos que ficaram revoltaaados, tadinhos.
Quando vou conseguir me concentrar 100% na monografia? Como será que vou sentir se for demitida? Como será que a diretora vai falar comigo? Qual vai ser a justificativa por me demitir? Como será que foram as apresentações? Será que vai dar certo a apresentação das Princesas? Meu Deus! entraram duas vezes na minha casa!! Por que não vejo mais sentido na dança? Vou embora do país mesmo?? E eu quero?? Por que me sinto distante de Deus? Tenho sido bençao para as pessoas?? Será que meu colega de trabalho realmente falou mal de mim para a diretora???"
Apaguei a luz, chorei e me encolhi para ver se parava de tremer, se o lado direiro da cabeça, parava de doer.
(Ontem)Olhei o céu, só haviam duas estrelas e uma lua. A qual estava em formato de sorriso!!... Chorei, suplique respostas do céu, o que me veio como melodia e letra naquele exato momento:
"Só sei o Ré, o Sol, o Dó, o Lá e o Mi
Sorrisos e lágrimas saem de mim
O que fazer? O que fazer?
Procuro Respostas dos Céus


Busco encontrar em uma só direção
Paz, alegria, amor e perdão
O que fazer? Como fazer?
Procuro Respostas dos Céus


Procuro respostas num céu de estrelas
Na palavra de Deus busco fé
O que fazer? Como fazer?
Procuro respostas dos céus

Dobrei os joelhos me prostrei no chão
Por misericórdia me deste canção
Como agradecer? Por tanto receber?
Encontrei Respostas nos Céus!

Encontrei Respostas dos Céus...
Encontrei Respostas nos Céus...


23h52 ----- 30/11/2008
By Larissa Sales
16º música, pela misericórdia de Deus.

sábado, 15 de novembro de 2008

Delete a preocupação...

...se parecem ser, apenas picos.
O post costuma ser resultado do que se é, do que se sente no momento que é escrito. Talvez, por isso, este não veio antes.

Por que cantar "come what may" se essas coisas nem existentes são?

Me indigno com coisas ditas que não são. Sim, não entendo nem encontro o porquê do cinismo, na falsidade. Burrice perder tempo elaborando cada máscara.

urght. . . me enoja.

Por que ter de continuar naquela rota se esta aqui tem uma visão tão melhor?
Por que compor se tão pouco rima?
Por que elas fogem da chuva?

Será por algo que ficou? Ou será que simplesmente não entenderam o jogo dos Ursinhos Carinhosos?
Pela primeira vez me senti acompanhada, sozinha.
Ainda que me ocorram sorrisos, não passam de momentos.
Muito obrigada aos que me inspiram na poesia, aos que cifram a melodia.
Mais grata ainda sou por não precisarem ser tão reais na vida real, quanto na poesia, no ritmo...
Coisas que me fazem sorrir, mas não passam de momentos.
Me concentro no fato de SER feliz, não de estar...aquela diferença essencial no sentido do verbo TO BE.


. . .
(Confissão: Sim vizinhos, por mais incrível que pareça, acho que pareço me sentir apaixonada.)
. . .

Me vi pensando "eu aqui...extremamente saudosa sem o por quê nem quem" foi mais esquisito que acordar apaixonada sem conhecimento prévio do personagem que causou isso na sujeita do sentimento.

Não preciso que continuem colocando em palavras e explicando todos os "porquês" de eu estar bem ou mal. Há uma grande probabilidade de eu entender melhor o que sinto, como sinto.
Mas... de que adianta se são meros "picos" de emoções.
Não adianta querer encará-los se daqui a pouco passa!
Uffa para alguns deles, lamentável para outros.
Entrei no ônibus e o passageiro vizinho usava uma boina como a sua...
Fiquei calculando...se o tempo está a favor, a torcida das inconveniencias, em como vai ser quando eu começar a conhecer os seus segredos, numa noite de luar? num dia bem ensolarado?. . . vou ter que dizer sim pra isso?. . . Não terminei o cálculo...sim, pois, será a semelhança entre "os dois da boina" a mesma? Passageiros. . . ? E essa lista de musicas que tentam falar por você? ou...é você que tenta falar por elas?. . .
Não terminei de calcular.
Mas...
Não se preocupe, em meio minhas dúvidas, me decido.

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Deletar ou permitir a "quebra de rotina"?

Que simplesmente aconteça fora dos padrões, fora do planejado. . .
Dizer me esqueçam por favor?

Já que seriam muitos fatos a escrever, aqui vão apenas aquelas coisas que não ouviram.

L2Sul --- 908Norte --- 410 Sul

ele: "Que bom que você veio me ver, foi um ato seu assim muito..."

"Ah por favor! não me venha com romantismo, não foi por ato nenhum que vim. Só queria te dizer que não rooola...não vai ser... ááááí, como o faço?? Olha, não gosto d-ele, e agora?! já disse não na primeira vez... é melhor desapegá-lo agora do que depois que ele conhecer meus amigos e família... é...não gosto dele, nem precisava do sermão de Pr Zeca a respeito de futuros casamentos baseados em julgo desigual.

"Olha que gatinho (animal) fofo! vou levar comigo."

Pet Shop --- Doce, doce lar.
"Moço, esse gatinho tava no meu pé na rua, percebi que ele me queria, vê se ele tá saldável pra mim por favor? e...qual a melhor ração?
Chaninha, duvido que você vai poder ficar comigo mas...você é linda, foi bom te conhecer, e por via das certezas, tirarei fotos suas para provar que tive um gato por algumas horas."

.

Mania de julgar o futuro.

Será isso correto? Em qualquer situação.

Complicado isso.

.

Curti piscina (até sair com ematomas) de 00h às 2h/3h, tive um gato por algumas horas e um namorado por duas semanas.
Não sei até que ponto essa permissão de quebra da rotina foi bom. Saí com gente velha, conheci gente nova, decifrei sentimentos reais.

Não gosto d-ele.
Não se deve pegar um gatinho e levá-lo pra dentro de casa quando a casa ainda não é sua.
Não posso correr no gramado às 1h, muito provávelmente um pequeno pedaço de caule no chão te arranhará.
Não preciso me desesperar. . .
Em meio a tantos imprevistos fora do planajedo ... (sim, um pleonasmo vicioso se faz necessário)
Escrevi... cifrei, cantei

Cristo, meu amado Cristo
A Ti somente sirvo
Quero te adorar
Jesus, livre sou por (causa) Ti Jesus
Vive muito além da cruz
Eu me rendo ao Teu pés

Salvador, Tú és o meu Senhor
A Ti dou todo louvor
Teu foi o sangue que me lavou


Quanto acontecimento fora dos padrões! Muitos que me fizeram sorrir, brincar como criança, outros me fizeram chorar. Eu hein!? Quanto* fora dos padrões. E durante tudo isso, muitos bons companheiros(as) seja online, offline, nenhum away me enchendo de conselhos que confesso, procurei. Mas, agora...acho que quero o silêncio. O meu silêncio. Silenciarei então até os pensamentos... me esforçarei para tal. Acho que é meu tempo. Tempo da tal "que tem o sorriso lindo, que tá sorrindo toda hora" (dizem por aí) ficar só e quieta. Dá vontade então de sei lá..

Dizer: "Me esqueçam por favor?" Como estou? melhor na minha.
Vou me concentrar, além de aproveitar mais ainda cada segundo repleto de manias dos estranhos amigos, preciso voltar a me concentrar em Deus. Ufa. Sim querido(a) companheiro(a), eu reconheço. . . o que já é, um bom começo.

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Delete a tristeza.

Simplesmente porque não há motivo para tê-la nem contê-la!
Deus é um Deus de promessas e alianças. Fiel.
Há um ano e meio vi pessoas ao meu lado receberem muito milho, e mais milho elas se enchiam de milho, eu olhava e questionava "Mas, Jesus...e pra mim? vai acabar se o Senhor continuar jogando esse tanto em cada pessoa." E quando Ele chegava em mim, jogava poucos milhos e jorrava água...muita água. Da qual, creio que estou a beber neste exato momento.
Deus tem me feito experimentar algo totalmente inacreditável em relação à mim mesma. Tocar violão, escrever e tocar mais de 8 musicas em um mês não é de mim, não é pra mim. Não sái de mim. Levantar às 5h pra tocar violão antes de ir pro trabalho também não é de mim.
Começou com uma visão: "Eu mesma preciso aprender e tocar para as crianças, não posso depender de ninguém" Depois como um gosto: "Olha só que legal! vou sair com o pessoal e nem dependeremos de alguém pra tocar e deixar o lual divertido! rs" Muitas vezes como um refúgio: "vou Cantar em Oração porque é mais que uma canção..."
Mas não é nada mais que um Dom. Ao mesmo tempo que tocava...
"São problemas, infermidades
Nos falta coragem de Te adorar
Mas os cativos libertastes
E nos destes forças pra poder cantar
A Jesus, a Jesus, a Jesus vou cantar...
A Jesus...vou adorar
E não precisa chorar
O Senhor veio pra te salvar
Não foi só lá na cruz
Ele está aqui pra te ajudar/salvar/cuidar/resgatar...
Com/Por Jesus, com Jesus, com Jesus vou me alegrar..."
...uma amiga perdia uma amiga querida. Ao compor chorei amargamente sem entender muito bem a razão. Mas Deus tem um propósito em todas as coisas.
Chorei, compus, toquei, cantei. Entendi.
Entendo. E por favor, entenda também. Não me inveje. Ultimo comentário que ouvi foi: "parece musica de barzinho" ... não sei se aquilo foi legal de ouvir, não no tom usado. Mas se for, e daí? Segundo o Afinador tem uma Salsa, um Rock Progressivo (seja lá o que for isso) e por aí vai... Dão nomes...e podem até ter, mas prefiro chamar de DOM. coisa do Pai e. . .
(Não uma homenagem de Dia dos Pais ou Feliz Aniversário, mas por ele ser meu/O pai)
Coisa de pai. Ele que toca pra mim desde pequena, ele que compôs e cantou. Meu pai é meu maior exemplo. Se ele não tocasse, cantesse, me cuidasse como o faz, esse dom, muito provavelmente, não seria. Nele estão as melhores características de um sábio pai, de um amável pastor, de um pai amigo.
Em você, pai, estão as mais fantásticas características de uma linda composição.
Amo você. Se hoje toco e posso compor é porque você orou.
Muito obrigada.
Amo você demais.

ps: sei que em tudo isso há muito de Dona Gábia também! =D maezinha...a ela devo os primeiros acordes. Sempre me incentivou tanto... =D como a amo!

terça-feira, 23 de setembro de 2008

Delete as "pestanas"!!!!

É uma melodia que quem sabe soe como música... a questão só é: não! nada de pestanas! Fá, Si... NOPS!
Não recorri aos acordes corretos, à afinação...na verdade, a deletei antes mesmo de pensar em tocar!!!

Mas deu certo. Com Fá e algumas outras pestanas, eu acho. Meu papel é só passar a melodia. O tom, os acordes... pode tomar conta deles!
E ele tomou =D
(não sabia de chorava, ria ou...cantava!)

Quem pôde abrir o mar?
O doente sarar?
Morrer em meu lugar?
Meu pecado perdoar?
...
De joelhos me prostro...
De coração adoro....
A Jesus,
Filho do Deus do Impossível!
Deus do Impossível (3x)


Por onde andou fez milagres
Por onde andou curou
E ao derramar Seu sangue
Minha vida restaurou

Deus do Impossível...

Música (melodia + letra) que passou a existir, sem conhecimento prévio do Dó, Ré, Mi, etc, entre as seis cordas que o violão me oferece, no dia 10 de Setembro de 2008.
Finalmente cantada com trilha sonora afinada hoje, de 22h40 mais ou menos até 23h25, algo assim, "voz"(aqueles gritinhos rocos), melodia e letra com a Lara, arranjos (talento nos acordes afinados e perfeito tom de voz) com direito à dedilhado, Léo.
Local? QE 36 conj C...em frente a casa dele. No carro devedor de IPVA, no violão de 1983. No dia que menos esperei... em que a alegria era resultado de palheta e cordas como presentes para combinar com o novo violão envernizado, de 1983.
(Obrigada amigo. Por além de ser amigo, afinar o violão pra mim!!! A cada dia você tem amadurecido. Eu usaria até uma metáfora dizendo que você tem aprendido, com Deus, a afinar sua vida, seu caráter, sua liderança de forma sábia. Fico orgulhosa de ver isso e tolero com piedade os incapazes de mudar, incrédulos de mudanças que se acham juízes do saber)
Percebi então vizinhos... que quando não conseguimos realizar pestanas (seja "pestana" que for) e insistimos na constância do desafinado (seja a desafinação que for)...alguém (conselheiros(as), Deus)sempre aparece, e afina.
Percebi então...

que quando não conseguimos realizar pestanas e insistimos na constância do desafinado...alguém sempre aparece,
e afina.

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

ALERTA! Nada a deletar. Breve homenagem.

Aos acordes... à Deus.
Estive pensando.
E pensando eu descobri que amo muito meus amigos. Que amo muito a vida que levo.
Porém, descobri também que não aprendi a abrir mão.
"Abro mão dos meus sonhos, abro mão ... abro mão por Ti..."
Não. Nem o fardo que Deus quer carregar pra mim eu estava entregando.
Mas Ele avisou a alguns anjos aqui da Terra..os quais oraram por mim.
E em meio a todos os meus (diferentes amigos, parece que cada um é de uma espécie!) amigos, às minhas profissões, aos trabalhos de faculdade, às complicações (minhas e suas) impossíveis de se resolverem desde que EU tento solucioná-las.

PAREI . . .
Respirei fundo. . .
E cantei . . .

É saudade, sentimento que arde
Paixão... faz doer o coração
Angústia, coisa que passa
Amizade... não passa não

Percebi que é necessário, de verdade, abrir mão além do medo;
Que não tem jeito! A melhor forma é se concentrar no fato de que é ministério
e este é o chamado. É se concentrar no porquê Deus nos chama.
E ainda que eu não saiba, e nunca descubra a resposta. Ir, eu creio, ainda é, a melhor opção.

Senhor, alguns dias tenho medo
Amigos, quero sempre tê-los
Emoções... dispenso
Senhor, quero seguir o Teu vento

Pois ao te amar eu abro mão
Ao te amar entrego
Em Tuas mãos
Ao Te amar confio
Eu te amo e não abro mão

E pra não correr o risco de ir, ficar, atravessar a esquina e tombar, tropeçar... me machucar...
Decidi convidar o Espírito Santo toda vez que cantar essa música...
Senhor, alguns dias tenho medo
Amigos, quero sempre tê-los
Senhor, quero seguir Teu vento
Espírito: . . . vem comigo.

Música escrita no dia 21/09/2008. No templo da Igreja de Cristo em Brasília , durante a ministração da Palavra pelo Pr. Edson Lobo. No dia 22/09... desde 5h34 a Larissa arranhava as cordas do violão de aço de seu pai na tentativa de encontrar os acordes. SIM! Para sua surpresa ela conseguiu tirar os arcordes e essa será sua primeira musica que ela mesma vai tocar! :D
Não são muitos acordes, mas dos que são, ofereço a vocês.
A musica fica quase toda em Lá, Ré, Mi e Sol... numa melodia bem fofa espero que lhe fique na memória o suficiente pra entender que é necessário, de verdade, abrir mão.
Sei que das 7 notas só usei 4 e em uma ordem não muito bonita, digamos assim, mas quer saber? já deletei o afinado! ;)
Beijo vizinhos.. depois marcamos um brigadeiro na minha casa e eu toco pra vocês.
Saudades da vizinhança.

sábado, 20 de setembro de 2008

Delete o afinado.

O quê afinal de contas?

Pensamentos...
Pontão, pier, sorvete... eram 23h horas.
Chegar em casa, se concentrar nos acordes até a cama me puxar pelas "olheras"
Ler, elaborar, elaborar e elaborar aulas.
Se apaixonar?
"...que no peito dos desafinados também bate ..."
Os amores dos meus amores...andei reparando nelas e nas histórias deles.
"Só não poderá falar assim do meu amor, ele(a) é o maior que você pode encontrar, viu?"
Sim, impossível não ver se no momento, é isso que o olhar dos meus amores mostram.
Será que fazem bem? ...em meio tanta história que tal musica descreve:
"você disse que não sabe se não mas também não tem certeza que sim... quer saber...quando é assim"
Alguém sempre acabar cedendo "largar a mão do não, soltar essa luta, morrer de paixão..." É só dizer sim ou não... mas" alguém, sempre, adora o "se" remetindo o outro(a) ao "frio que vem lá do sul" Por que sempre tem um que leva a sério e ou outro disfarça??
Quando se conhece o(a) especial a graça se torna disfarçar o lado mais complicado do sentimento --> & <3
De qualquer forma, o que vale é o sorriso deles... o olhar apaixonado ao citá-las... o, se quer, digitar apaixonado...aquele clima bonito de se ver, complicado de se sentir.
E o 'meu amor'?
(Têm dito que estou com cara de apaixonada! =O rs)
Meus amores têm o direito de conhecê-lo (seja lá quem for)?
23h...ensinando forró sob conversas de lua, nunca mensionadas pessoalmente, sim, ficam só nas mensagens e melodias que às vezes acontecem em meio aos acordes desafinados.
Eles e elas.

Cada um tem seu jeito de consolar, de contar, de cultivar, de conquistar.
Amigos, amigas..e seus amores.
Amigos que me cuidam..como prefiro vocês! como prefiro cultivar vocês!
Ainda que alguns não tenham o passado confiável, ou que tenham a mania de não cultivar....
O passado eu dexei no passado. Se você não cultiva, Deus permitiu que eu fizesse parte dessa amizade pra cultivar.
Tanto faz se é pra ser assim ou não.

Viver a sensação de ida faz sentir o preenchimento do vazio que se sabe...

Viviendo la vida loca, curtindo um Carpe Diem é o que tenho feito além dos capítulos e títulos exigidos pelas monografias (que não entendo por quê, insistem em pedir ajuda à mais ausente n/das aulas!).

Ao final da aula de forró muitos bocejos.
Ao final de ritmos em acordes, dedos cascudos.
Ao final de todo dia... muita preparação para orar.
Que erro!
Faz diferença *preparar sem *ação?

Alguns se concentram em comprar uma bicicleta ou casar, me concentro em uma forma de me concentrar. E mesmo sabendo não haver como, em uma forma de mudar.
Não sei se o flerte, o tal papo de lua é real, não sei se os acordes soam certo. Não sei se vai acontecer de verdade... não sei se o sentimento de ida é em vão.
Não sei se se preparar é necessário. Não sei se meu amores conhecerão um dia o meu amor (rs). Não sei se vou conseguir ensinar português espanhol e inglês na mesma semana. Não sei se repitir tantas vezes "não sei" torna meu post insuportável ou compreensível.
O quê afinal?
Melhor me sentar aqui... em meio a estes 200 mil exemplares e me concentrar na tentativa de esquecer aquilo tudo. Sei que algumas coisas parecem incuráveis, que o tempo parece não colaborar e, ainda que, Deus pareça não ouvir...
pressa só faz perder e Deus sempre ouve e age.
Os acordes .... se desafinados?
Canto: "se você disser que eu desafino amor, saiba que isto em mim provoca imensa dor! Só privilegiados têm ouvidos igual ao teu. Eu posso apenas o que Deus me deu...Se você insiste em classificar eu mesmo mentindo tenho que argumentar...."
Não sei de nada, ou sei de pouco... Sinto. Ainda existe aquilo que achei ter perdido.
Sorrisos tímidos.
Olhares encantados.
Queria ter certeza do amanhã.
(mentira! muito mais emocionante a incerteza do duvidoso!)
Temo ter de cantar "Tienes que saber que es lo último que pido...no me queda mucho tiempo a mi favor Y antes de perder de vista mi camino quiero mirarte un poco y ..." ou ter de ouvir: "Quédate un segundo aquí a hacerme compañía y quédate tantito más quiero sentirte mía ..."
*Sem a mínima idéia de quem a escutaria, ou de quem a cantaria...
Desafinados e desafinadas não se preocupam em acertos mas palpitam riscos que o Sentimento manda encarar. Ainda que os acordes não saiam perfeitos, as tarachas sempre dão um jeito.
Nessas coisas se percebe.
"É que os desafinados também têm um coração..."
No mais,
O penultimo semestre é estressante, mas as "quebras de rotina" estão cada vez mais frequêntes!...só espero que não virem rotina!!

sábado, 30 de agosto de 2008

. . .

"Pra quê?
Escrever o quê?
Se é pra escrever nada demais, então pra quê escrever?
O que fazer aqui?
...
Justamente isso.
Nenhuma expressão de sentimento verdadeiro.
Nenhuma expressão de emoção verdadeira.
Nenhum ser na face da T/terra que saiba a verdade.
Nada a compreender por não haver quem compreenda.
Nada a se quer entender...
Pishhhhhhhhhh.
Não fale. Não se expresse. Evite contar seus sonhos. Cuide de sua voz.
Trabalhe. Estude. Calada.
Só a escutar.
. . .
Sim. Graças a Deus alguns dos poucos excelêntes amigos têm escutado. Mas até agora, nada mudou. Nenhuma coragem me resta para dobrar os joelhos... nenhuma fé de que vai mudar na realidade. . .
Nada. Nenhum. Ninguém.
Ainda assim, se eu morrer hoje. Com certeza seria feliz. Não estou. Mas tenho a convicção de que sou.
Outro dia ensinei para crianças a respeito da grande diferença entre Pai e pai. Só uma acertou. Muitas desabafaram em relação ao tratamento (ou falta dele) entre pai e filho dentro de casa, mas uma escreveu: "Para Deus nada é impossível"
Quando eu era a que menos acreditava, eu ensinei, eu expliquei, eu demonstrei em práticas e sim, elas corresponderam com grande atenção e seriedade, deixando a "tia" impactada.
O céu está coberto de nuvens hoje. Será que desta vez a chuva vem?
Descobri que sou defeituosa.
Percebi que que não consigo largar algumas "cruzes" dos outros.
Sei que estou me formando no curso que não é o dos meus sonhos e que "não é minha cara."
Não consigo.."nem uma" só lágrima. Uma só agonia. Que agonia ficar guardando.
Nada. Nenhum. Ninguém.
Deus pode, mudar o "Nada".
Um pequeno post...só pra soltar... já que não consigo me expressar verbalmente e não posso pessoalmente.
Se quiser, delete esse post."

quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Outro dia aí. . .deletei o palco.

Não sei como começar.
Não sei por onde começar.
Vou, apenas, começar.
Outro dia, ouvindo os noticiários ambulantes, me deparei com acontecimentos estrondosos, surpreendentes. Vi que muitas vezes o mundo REALMENTE dá voltas e o outro lado da moeda é muito interessante!
Certa feita me disseram que estavam assistindo minha vida da arquibancada.
Certa vez, minha vida estava sendo assistida da arquibancada.
Hoje, após a voltinha do mundo. Estou eu na arquibancada... "vendo o palco pegar fogo". Sensação interessante conferir a fidelidade de Deus! após ser julgada, julgada: tchanãããã!!! olha só o que acontece com o espetáculo de meus "acusadores de carteirinha"???!!!
Você agora pensa: "nossa, que grossa essa Larissa"
Caaaalma.
Optei por descer da arquibancada. Num já disse que deletei o espectadorismo???
Pois é desci. E sabe por que? Porque 99% da galera acomodada nesse lugar, excerce papel de acusador.
Não, muito obrigada. Não sou """sábia""" pra isso, não sou Deus, não sou advogada.
Provérbios 17:14 diz - Como o saltar das águas é o início da contenda, assim, antes que sejas envolvido afasta-te da questão.
(Caramba! até sobre isso a Bíblia fala!!!)
Decidi então, conquistar meu *super-ego com a felicidade.
Em uma conversa de 6 horas com um bom amigo descobri que além dos problemas, o que vale é a felicidade. Após sua descrição de problemas sentimentais, profissionais, psicológicos ele disse: "Mas Lara, se eu morresse agora, eu morreria feliz" e após ter pensado "por favor não morra agora", pensei: "que legal! por que não sou assim?" rs
Sim, eu sei e tenho que assumir a mim mesma, apesar de ser ruim, Sou imperfeita! ö (sou normal) reclamo muitas vezes além da perfeita condição do cuidado de Deus para comigo, meus vizinhos, amigos, família. Mas ao menos nisso posso ser (buscar ser) perfeita. Se eu morresse hoje? - Bom, meus poucos são excelentes amigos; um ótimo emprego para minha capacidade; uma amável igreja; uma família que me abraça (até os que estão sem me abraçar há meses o fariam se eu fosse morrer! eu acho); um Deus que me ama. E somando ainda o fato que já tomei açaí suficiente... SIM, se eu morresse hoje, morreria feliz.
É. Não sei se dexei posts o suficiente mas, caros leitores, se eu não postar novamente, saibam que FUI feliz (enfatizando o fato que este FUI é de partida, não de passado. Afinal, sim chorei muuuuitas vezes, de dodói à saudade todos os tipos de lágrimas jorrei)
Sair do palco, descer da arquibancada, é muitas vezes ignorar a torcida e deixar de ser o """sábio""" que muito fala pra O sábio que se cala.
É reconhecer que sim, Deus é capaz de "girar" o mundo e fazer justiça a qual COM CERTEZA não é aquela que você imaginou, esperou ou preferia. Garanto que é bem melhor. Muitos assistiram essa minha transferência de palco --> arquibancada, agora, vejam-me aqui, memorizando Provérbios 17:14 (e vários outros que relatam a sabedoria do que se cala)!!!
Enfim... Sim, essa parte é o fim do meu, talvez, last post.
"Nossa que horrível Larissa!"
"Não! olha só que legal. Sou tão feliz!!! Posso não estar, mas sou! O que é algo muito mais constante que estar!!! eu sou feliz e tenho aprendido a repetir isso a mim mesma todas as manhãs... aliás, *tentar fazer isso amanhã com certeza vai fazer meu dia diferente! Puxa, eu devia postar todos os dias antes de dormir, pra ver se eu mesma não me convencia de alguns dos bons conceitos que escuto por aí"
. . .
Abraço a todos. Espero que o post esteja compreensível.
Mas se não, tudo bem. *Acho que eu entendo.
Só pra fixar: O outro lado da moeda é MUITO mais interessante quando podemos ser feliz sem precisar acusar o outro, principalmente quando se trata de passado.
. . .
Acho que foi um bom começo.

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Delete o "espectadorismo"

CURTA POSTAGEM PARA RECADO:

Esse vai para você, amigo(a).
Esse veio de você, amigo(a).
Lembrei de quando eu "chorava" e você dizia: "mas que tipo de amigos... (quantidade ou qualidade?)"
Quando eu chorava, e você segurou minha mão forte ...
Então, por que esse vazio? Há tantos que te arrodeiam, tantos que te querem por perto.
Que tal então pensar na qualidade dos amigos (ou mesmo das... coisas)?
Repensar quem e o quê te faz bem de verdade...
Às vezes o vazio, ou tristeza sem explicação, são resultados de escamas nos olhos...fazem seus olhos tristes e sua visão embaçada mesmo sua sombrancelha fingindo força.
Ou pior, quando não há escamas. Mas para não percebermos os próprios...assistimos o problema, as lágrimas, as agonias do outro.
Não "assista" mais. Se as pessoas precisam de você é por que Deus te deu algo especial mas não só "assista".
Saia do lado dos espectadores e permita a si mesmo(a) que o Senhor te abençoe como protagonista de sua história.
Cuide um pouco de si mesmo.
Repare.
Você vai notar.
1 pílula de fé a cada minuto.
3 abraços sinceros por dia (ou mais).
5 Pitadas de gratidão a Deus por minuto.
Te confesso que estou no inverno, mas releio a bula desse remédio todas as manhãs.
O cumprimento da receita tem facilitado que eu veja o Senhor.
O deserto, a estreita trilha, o inverno. São os mais interessantes momentos. Lá Jesus está, lembra?, a sua espera. E dali Deus faz brotar algo especial. Não espere a realização de algo para sua felicidade...não perca o foco das alturas.
Em meio a tanta neve, fica tão mais fácil perceber um raio de sol...

Escute. Ele fala.
Em todas as estações amigo(a):
http://www.youtube.com/watch?v=0SqG50ynfdw
Precisando? Já sabe: Estou a orar.
ps: não se esqueça do colírio da oração diária, ajuda a remover escamas.

Com carinho,
Lara.

segunda-feira, 28 de julho de 2008

Delete a gramática...

e se divirta!!!

Uau... andei conjugando novos verbos, ou melhor, fiquei sabendo que por aqui também se conjuga novos verbos:

Tia futucando as máquinas da fábrica: "você ia ser eletrifucada, eletificada, eletrif..." (esquece)
Irmão testemunhando na igreja: "Então minha mãe disse preu punhar .... daí eu punhei..."(hã?)
Mãe corrigindo o português da filha: "não é muié, é mulhéééééRRRR (aquele R goiano)" (nao ri Larissa! segura!)
Tia elogiando a filha dos outros: "sua filha é uma característica... criatura, eh... caricatura" (deixa o elogio pra lá tia!)

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Foi mal, tive que rir. Como esse povo aqui me diverte!
Aqui também tem CSI!!! - Cetral de Segurança Inteligente!!!

Minha prima no 2º colegial casa próximo sábado. Ela e muito nova ou eu sou muito velha?
Todas de véu na igreja, eles do outro lado, na maior elegância, com seus ternos e violinos, flautas, saxofones no ritmo suave que rima com a ordem de silêncio e os passos lentos e delicados dentro da igreja.
Não foi a primeira vez que congreguei. Já congreguei, já batistei, já assembleiei, já presbiteriei (é pra inventar verbos? façamos direito!!!) mas amo e adoro um só Cristo, e sou membro da Igreja de Cristo rs. Visitei varias vezes, varias culturas, ou "varios deuses"!
Misericórdia!!
É, eu sei.
Mas às vezes tratamos como se louvássemos um Deus diferente do " do próximo". E vos garanto que em todos os lugares, com ou sem palmas, sempre pude ouvir a voz do Senhor, ou seja, Ele me falou e vos garanto que com a mesma voz!!
Aplausos com palmas então, para, e somente, o Senhor!

A palavra foi Salmos 46
"...Portanto não temeremos, ainda que a terra se mude, e ainda que os montes se transportem para o meio dos mares...Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus..."
PAZ! Entre os irmãos, entre as famílias. O ancião citou justamente isso: paz na família! Entre pai e filho, entre irmãs, mãe etc.
Que lindo! Mas...
Como é estranho o irmão pregar e a palavra parece sair pelo outro ouvido, se é que entrou...que estranho...ou. . .
Que feio!

Mas depois a palavra foi no Evangélio de João 20.24: "Não dê um(a) de Tomé, não duvide das promessas de Deus, do poder de Deus" Uau! =O
É verdade, olha só Sua tamanha imensidão?! Ele pode mudar todas as coisas. . .
:D

Bom...
Aqui eu sinto sono toda hora.
Aqui todo mundo me acha bonita! (kkkk como isso é legal!!!)
Aqui todos querem me arranjar um namoradinho (aham, me juntam com taquaritinguenses, paulistas, enquanto espero por meu . . . rss)
Aqui eu como toda hora!
Aqui tem troca, venda, e compra de carro: Pick-Up Car!!! e só pra constar: você pode também fazer um ótimo negócio na Diney Veículos =O =P
E na rua Miguel Pagluro está a casa que vou morar quando aposentada. Número 93, a VeRdinha!
Aqui ... eu falei: "lá na minha cidade. . ." rs

Daí é chegada a hora de ir embora. Áxa (tradução: oxi, puxa, nossa, uau...), hora de fazer os outros (eu) chorar... segura! respira! ... deixa pra desaguar no onibus. So-zi-nha =/~
...


Oh Taquaritinga Gostosa!
Oh povo legal!
Poucos dias e muita risada.
Só vim pra deixar saudade rs.
Depois volto...quem sabe algum estressado(a) da rotina brasiliense resolve vir comigo.
Aos que ficam: Abraços, me aguardem ;)


E.. se alguém acatar a idéia de vida diferente, cidade "out of the map", lembre-se de deletar a gramática! antes que você pense em corrigir o povo do InterioRRRR ;) por favor, não estrague-os!!!
rs

sexta-feira, 25 de julho de 2008

Delete a Big Town por alguns dias...

Ainda que vc nunca tenha visto a cidade no mapa!
Aqui todo dia parece sábado. Todos estão sempre tranquilos e não há barulho nas ruas de faixa única.
Aqui damos voltas e voltas de carro, e sempre vemos as mesmas coisas, os mesmos prédios.
Aqui, o prédio da Camera Legislativa é em frente a pracinha!!!

Destino: Taquaritinga - SP
. . .
Duração: 10 horas + 40 minutos de Ribeirão Preto a Taquaritinga.

Virei então para a janela " Oba! Estrelas ..." Durou pouco, o moço fechou a cortina. . .
Comecei a chorar.
A vida é assim né?! quando você fica feliz porque conseguiu algo que queria muito, um balde de água fria é jogado em seus sonhos e iniciativas. Lembrei das agonias já citadas por aqui, pensei nas agonias jamais citadas por aqui, pensei nos sonhos que fazem parte de vários dos poucos posts...

AH! QUE SUSTO! Isso é hora de criança estar acordada? (22h)
"Lara, olha o tanto de estrela!! mó bonito!"
Você deve pensar: "Mas que agonia é essa com as estrelas, Larissa?"
"É né Mika. Quando eu olho esse tanto de estrelas penso no tamanho do poder de Deus." Viu? é só uma questão de observar a tamanha glória de Deus.
Voltei para o banco 11. . . chorei.
Não chorei por causa do moço que fechou a cortina na minha cara. Era a musica.

"Love them like Jesus...
...Little blessing from heaven we be there soon...
...You’re trying to make sense of it all..."

Dali eu não podia sair.
Não podia acessar a internet.
Não podia elaborar provas nem projeto "Father's Day"
Qualquer estresse seria vão.
Como mascar chiclete para solucionar problemas matemáticos.

Obrigada Senhor pelas 10 horas só com o Senhor.
Só pensava então nos meus alunos do colégio Esperança - Mapua/África. Nas Princesas do Pai, no projeto Sementes/ Seeds, na vida missionária... e naquelas coisinhas extras né? casar, ter filhinhos...ser feliz com mais problemas rs.
Mas no que mais pensei foi no meu tamainho e no tamanho das coisas que quero viver... do número de gente pelos quais tenho orado e... fala sério, sou muito pequena "té parece que minha oração vai fazer alguma diferença"... e chorava, muito. Isso me fazia chorar muito.
Então me concentrei no tamanho do Deus que confio.
Uau! Como é grande! Como é fiel!
Chorei. Orei. Planejei. Sonhei.
Oro. Planejo. Sonho.
Espero.

Os céus parecem estar em silêncio mas Deus está agindo.
Ainda faltam 5 dias para eu voltar a cidade que aparece no mapa. . .
Deletei a rotina, nem penso na agenda. As pedras parecem menos duras...O tenis está funcionando. Nem consigo sentir os ventos, muito menos as formigas, ainda me esforço para deletar o "fear" mas acho que os "Deletes" têm dado certo.

A palavra tem sido Isaías 42, 35, 6 , 49, 43.
“Fortalecei as mãos fracas, e firmai os joelhos trementes porque... o Senhor me disse: Tu és minha serva; aquela por quem hei de ser glorificado. Então disse eu: Ai de mim! Pois estou perdida; porque sou mulher de lábios impuros, e habito no meio de um povo de impuros lábios..." Mas o Senhor capacita Seus escolhidos, certo?!
A musica “Untill I see you face to face, grace amazing …. I trust in You. I’ll live to love You/ I’ll live to bring You praise…
‘Cause when I pass through the waters…You’ll be with me…always.”

E assim é o nosso Deus vizinhança: Quando pelo fogo, não te queimarás, nem a chama arderá em ti... Sempre. Só...confie, e caso precise, saia um pouco de seu casulo Pequena Borboleta e se dê o direito de Break Time to take a little breath...rs ...

Vá para uma cidade que não se encontra no mapa. Que o celular não pega e que o endereço começa com nome próprio rs.
;) :D

terça-feira, 22 de julho de 2008

Last night...deletei a chinelinha

It just came to me last night...
and i gotta let a little bit of this thoughts on line here... then futurity i can remember how God is GREAT and made all this end.
"And I want to declare

To all the nations

To all the people

To everyone and everything

'Cause You have given me something different

And in my heart i can feel You want something new from me...

And I want to worship You so loud!

To glorify Your name above all

For even if I'm not full of faith,

You are faithfull and You teach me how to be.

You're Lovely,
Kind,
Fear."

It's so weird... Does it need to be this way?

Pensei...orei, chorei...como é esquisito ao mesmo tempo que nos apegamos tanto Àquele que nos deu a Luz, ao nosso redor tudo embaça de forma desordenada demais. Então penso em pedir ao Universo que PARE ... meu TEMPO de 15 minutos! será que rola dessa vez?
(Graças a Deus não)
Pensei então na trilha. Naquela cheia de pedra.
Ao andar numa trilha é melhor estar de tênis! Bem preparado, uma chinelinha frágil DIFICILMENTE vai te proteger. Seu pé vai ficar todo dolorido.
São inúmeras pedras até você alcançar ...
Conversando então com um amigo ungido de Deus, percebi que não temo o tamanho nem a maldade das pedras, mas a dureza delas... até que me veio uma conversa que tive com a irmã lindíssima ungida (não, a mais velha fica com a beleza superior hehe lindíssima é a "caçula" mesmo :P ), o Senhor nos pede para empurrar a pedra e não movê-la!!!
Posso então, de tênis, andar tanquiiiila sobre as pedras, e ainda que eu não consiga olhar o céu enquanto sobre elas, ao alcançar a chegada ... vou ter a melhor das visões do céu, e ainda se eu for devagar (tempo de Deus) nem vai ser preciso me machucar, tombos.
Hoje, sinto pedras no chão e vejo trilhas cada vez mais estreitas a minha frente, ainda assim tenho vontade de louvar o Senhor bem alto pois, se com a chuva escorrego entre as pedras, Ele nunca deixou de estar lá pra me dá força e jamais vai permitir que eu caia dessa estreita trilha.


Thanks Lord because it's gotta be this way.

Aos vizinhos (e a mim mesma):
"Quando passares pelas águas estarei contigo, e quando pelos rios, eles não te submergirão; quando passares pelo fogo, não te quimarás, nem a chama arderá em ti. Porque eu sou o Senhor teu Deus..."
"Não temas, porque eu te remi, chamei-te pelo teu nome, tu és meu."
Isaías 43

Encare a trilha de tênis ;)

quarta-feira, 9 de julho de 2008

Está na hora de deletar o "fear"

Haja emoção!
Das boas e das ruins... estou quase farta delas.
Parece que se achegar a Deus é confuso! Escutar o Senhor e ter certeza de Sua voz é confuso...
Mas... andei pensando... andei chorando... andei orando, cantando, comendo... rs
Deus está nas mínimas coisas, nos mínimos detalhes. Em cada frase de Sua palavra podemos identificar uma nova lição.
Gastei vários reais outro dia pedindo, via msg, que intercessores entrassem em ação antes que eu ...PUF
sei lá... Mas logo em seguida vesti uma *camisa de força e ofereci meu colo, ombro, braço, mão, pés... a amigas, irmãs... em ajuda. Só Deus explica.
Então parei de buscar respostas no meu tempo, e deixar que a pergunta chegue a Ele na ordem da fila, com certeza há um monte de pergunta antes da minha, depois que a resposta estiver bem elaborada, ela vai chegar dando aquele SHOW de sabedoria.
Até lá... me divirto na espera do dia-a-dia... na espectativa de começar a monografia. No BOMBA com a galera aos fins de semana... curtindo as histórias dos amigos, as piadas ruins (que eu adoro) da minha irmã, na espectativa de começar a vida de verdade... essas coisas.
Ainda curto os sentimentos confusíssimos, a dor do que vai e do que não vai. Pretendo conseguir lidar com tudo. Confesso que às vezes tenho a impressão de que Deus está me dando mais do que consigo... mas acho que Ele não faria isso. Não sou tão especial assim rs. Claro, se Ele não faz isso com ninguém, faria comigo!?!!?!
Fiz mais um vídeo. . .
E pra guardar mais um aqui... pra nunca perdê-lo, favor me lembrem que tenho um blog caso percebas que o esqueci.::: http://www.youtube.com/watch?v=HcgyN4B7cDI
Essa é minha família...e eu poderia dizer, que são fotos e vídeos que explicam o por quê deste chamado.

quarta-feira, 18 de junho de 2008

Delete a AGENDA!!!

Nada disso!!!
Parei pra reparar... caramba!
Pra quê tanta agenda pra uma pessoa que possui apenas duas mãos, dez dedos, dois empregos, um curso de pós-graduação, 365 dias pra se manter viva por 12 meses, e um só cérebro!!!???
Pra quê tanta agenda?
Tem a do emprego, tem a do outro emprego, tem a que ganhei da minha mãe (do convênio de saúde), tem a que ganhei do meu pai (do escritório de adivocacia, adivinha qual?), tem a do celular, enfim... sem contar os calendários, muito menos os dias deles! aliás, dos calendários...
Bem... é muito melhor olhar e contar só os dias de feriado e férias! ... dias dos santos, deuses... sei lá... sempre inventam um. Podiam inventar o "dia do descanso". Eu sei que todos um dia alcançam esse dia mas... se tivéssemos ele como algo positivo no calendário, talvez não teríamos a sensação de tristeza quando enfim, alcançarmos o "dia do descanso".
Bom, só passei pra dizer isso: Delete sua agenda. Talvez possa ser saudável pra você também. E fica calmo(a). Aos poucos você vai conseguindo lembrar de tudo, sem estresse. Vivendo cada segundo no minuto em que deve estar. Os minutos só dirão o "téc" depois de todos os "tic-tac's" que os milésimos de segundo tiveram de passar. Até as agonias vêm cada uma a seu tempo, e essa é a moral!
VIVA UM DIA DE CADA VEZ!
Cansei! dos asteriscos das coisas mais importantes a fazer (que por sinal estavam em quase todos os "ítens"), de marcar "OK", de...
Deletei. Simplesmente, NÃO TENHO MAIS AGENDA! estão todas empoeiradas nas últimas gavetas... enquanto isso, me atualizo com os colegas, amigos, com o que meu cérebro lembra. Desde então estou mais saudável.
Nada de grandes frustrações, cada dia tem a sua.
Nada de grandes amigos, cada segundo revela um VA (verdadeiro(a) amigo(a)).
Nada de grandes desilsões, cada dia tem sua surpresa! (minhas ultimas têm sido culpa do pseudo! a você: muito obrigada!)
Nada de grandes lágrimas, antes que ela escorra, um VA aparece.
Nada de estresse, cada dia tem seu lugar no calendário.
Nada de desespero, você não vai conseguir mudar NADA agoniado(a)! muito menos o TEMPO!
. . .
Delete sua agenda!
Às vezes... muitas das vezes, na minha vida, é mais saudável. Beeem mais saudável!
E a você que leu... grandes abraços de: "desestressa vizinho(a)"
Precisando de uma agenda ... vá à papelaria.
Precisando de um VA... me liga!

quarta-feira, 4 de junho de 2008

Deleeeeete essa memória que não memoriza!!!

A MINHA!....

What am i living?
And i gotta believe! have faith! i'm living that exactly moment

( http://www.youtube.com/watch?v=C-c8_OFwZoY&feature=related ) ... i gotta step in...i'm sure when i get there, i'll see things perfecly as only God does.

He hecho muchos pedidos en el pasado... muchos sueños que jamás creía ser realidad un dia...
Y yo me habia olvidado de todo...pero, Díos no. Él no se olvidó de nada y hoy está haciendo con que todo lo se torne realidad.

Once i thought... WUUHHH it would be so nice if i could . . . if i had the chance of . . .
Well, my parents got back from a very important trip and .. first of all i thank God so much for i guess i couldn't stand anymore without them here! lol ... and then i thank God for everything i heard from them.. my heart couldn't stop bumping soooo fast. God and His faithfullness. How come He never forgot my dreams!!!??? WooooW... Muchas gracias Padrecito... No lo sé que va a se pasar, sólo busco descansar en Él y en el propósito que Él tiene para mi vida.

Vea un poquito de mi familia con nosotros cantando!!!: http://www.youtube.com/watch?v=aNi3ucUmhuM
Las otras cosas... bueno, de nuevo, sólo puedo decir que creo en Díos... su fidelidad y lo que tengo visto me hace quedar tranquila...como dice la musica "Rests in the Hands that hold you for someday" este "someday: significa el dia de Díos o mejor, mi dia, el dia que Él llamar por mi nombre" as i use to say:

"He said to me: you are my servant in whom I will display my splendor."
"Y díjome: Mi sierva eres, que en ti me gloriaré."
"E me disse: tú és minha serva, aquela por quem hei de ser glorificado."
(Isaías 49:3)
Amém!

Um dia me disseram "desce do cavalo por que você não é lá essas coisas" ainda bem que não sou!!! nem penso ser! cavalo?! eu diria jumento manco... não me sinto acima de ninguém! seria um assima com "ss" se me sentisse! Me acordé entonces que leí en un lugar alguna cosa como: "Transtornos passam, benefícios ficam" si dole hoy. Si mi corazón está lleno de dudas, una otra vez... sólo puedo leer la palabra... simpre aprendi que las respostas, las correctas respostas se encuentran en la palabra de Díos! One of the anwers in Idiona Jones the Last Crusade, to find the treasure was about the right steps... it says that it only is possible if we fall God's word, something like that: http://www.youtube.com/watch?v=c6mFq3XzE4s&feature=related


My prayer: http://www.youtube.com/watch?v=K_rM0G_U0dI

sábado, 26 de abril de 2008

Delete o chão!

Boas Notícias Antes de Dormir...é o título do capítulo digno de postagem.

Semana que causou um desnivelamento de emoções! quase não aguento! como diz meu pai: meu estopim, cada vez mais curto...

Que sufoco! Liga! Confirma ... Quantos? quanto?! quando? quem? o que? como assim?... ái crédo.

Naquela loucura toda andei observando... e...
Reparei que o medo do passado só faz diferença no hoje, se você permitir.
Reparei que raiva/mágoas do passado (ainda que um passado bem próximo) só faz diferença no presente, se você permitir.
Reparei que pés doloridos sempre são resultados de uma grande benção.
Reparei que quando as mamães "vestem a nossa camiseta" fica tão mais fácil.
Reparei que a Graça de Deus nunca falha.
Reparei que as flores estão mais belas hoje. Roxas, amerelas e rosas. Tão lindas!
Reparei que a dor de um perdão não aceito é maior que qualquer agonia.
Reparei que ainda que não faça diferença pra você, liberar perdão àqueles quando precisam é agradar o coração de Deus.
Reparei que o universo não pára pra eu descer, apesar de eu ter merecido esse tempo pra respirar e capturar as informações! Né vizinha?!
Reparei que quando as coisas acontecem no tempo de Deus é BELO e SOBRENATURAL.
Reparei que insistir em semeiar em Deus sempre dá bons frutos.
Foi lindo. Foi ontem. Ufa! passou. Quando a notíca é ótima antes de dormir: é consequência da Graça de Deus.

Não tenho certeza se aprendi tudo que andei reparando. Mas sei que reparei com muita atenção. Nos mínimos detalhes. Cada linha desfiada, cada bolinha da pulseira, cada tic-tac colorido, cada sapatilha "furada", cada dedinho fora do lugar, cada passo fora da contagem, cada bolo assado, cada salsicha picotada, cada sorriso em cada olhar, cada flor naquele jardim, cada mãozinha que ajudou, desanimou, participou.

É glória para o meu Deus.

Não tenho muito a dizer. Desde o último post não consigo ter um "break time". É. Se o universo não parou ainda, espero que ele não pare. Sou uma pessoa de espectativas duvidosas e medo de notícias ruins. Mas por causa do meu Deus pareço viver espectativas pela fé e notícias boas. Muito boas.

Dormi tão bem. Acordei às 11h, levantei às 11h40. Não queria sair do sonho. Eu voei!!!!
No meu sonho, eu voava! Dei uma de Jasmin, voando num tapete! e meu Aladin era negro!!!! Lindão! kkkk depois Mary Poppins voando pela segunda vez com um grada-chuva!!!!Faz tempo que não vejo esses filmes, não sei o que me fez voar! Só sei que foi uma sensação muito gostosa! Voar éuma delícia.
Ao acordar pensei: "Já sei o que deletar. O chão."
Tenho uma amiga muito realista, me ajudar a ver todos os bons atos de até pessoas quebrantadas, como máscaras e falsidades. Ela sempre me faz ficar azeda e triste. Acabei chorando no dia mais incrível da minha semana. Mas antes de chorar, pensei e disse a ela: "Posso ser ingênua por isso. Mas as vezes, é muito melhor ficar nas nuvens."
Delete o chão. Voe!!! Permaneça nas nuvens. Lá as idéias fluem numa forma muito mais contagiante.
Acabou. A idéia deu certo. Não preciso virar hippie, basta continuar nas nuvens rs. Agora, preparem-se ... a próxima já está fluindo! ;D


"O reconhecimento de uma colheita destruirá a raiz da amargura, liberará intusiasmo incomparável e abrirá milhares de portas em sua vida" Mike Murdock. Só pra ficar gravado.

quinta-feira, 10 de abril de 2008

Delete a Rotina... Jamais! Amizades assim.

Tênis bagunçado, pote de creme vazio na penteadeira. Ursinhos no chão, livros espalhados, roupas em todos os lugares menos dentro da gaveta, onde devem estar.
Essa desordem começa a fazer parte da rotina! Tantos a fazeres com *asteriscos* na página que marca o dia de amanhã.
Dê férias à Rotina.
Isso mesmo. Delete ou faça dela legal, diferente, surpreendente, emocionante, ou seja, tire dela todas as características de “rotina”.
Saia com amigos perfeitos. Aqueles que você nem sempre vê, aliás quase nunca, por culpa muitas vezes da Rotina, mas que quando o coração, as agonias, o dia-a-dia começam a ficar insuportáveis a ponto de desejarmos lançar dinamites em pessoas, lugares, ligamos a elas. E lá elas estão. Essas amizades. Essas pessoas. Amizades assim.
Então:
Saia no meio da semana, quando você deveria estar estudando, trabalhando, procurando emprego, etc. Encontre-se com eles naquele lugar que jamais encontrará com pessoas de seu ambiente de trabalho.
Curta uma sessão inédita da carinha de bebê mais fofa, de body azul e cuequinha justa vermelha até às 1h da manhã! (Superman Returns)
Deixe sua cama bagunçada para a noite seguinte.
Releia poemas brégas que escreveu há anos.
Reveja os a fazeres de amanhã na agenda, mas não se esqueça de priorizar os amigos.
Escolha o brinco de usar amanhã.
Beije na boca.
Compre 37 balas de 7Belos e guarde-as para dosarem o stress durante os dias.
Diga “você é demais” aos sonsos que te rodeiam durante o dia! Talvez se convença e as atitudes deles não te estressem tão rápido.
Peça oração àqueles que confias.
Compre seu Hershey’ s favorito!
Faça análises críticas a respeito dos “Bin Ladens” incovenientes que há por aí.
Coma bastante açaí com direito a paçoca ou/e ovomaltine!
Não deixe a Rotina te abduzir!
Se o Universo insiste em não parar, PARE pra ele. E respire fundo! É seu break time. Todo mundo tem o direito. Se você não sabia, se dê o direito de acabar com as características da tal Rotina.

Aos indignados, agoniados: não tenham medo de encarar, nem de desistir. Ainda que suas mãos estejam tremendo, sua fé pequena, se precisas fechar os olhos... encare. Diga o que tem que dizer!(Ainda que seja um palavrão. rs)
Pode ser que um dia percebas que era melhor ter dito tudo/muito, do que não ter dito nada.
Se o sentimento, você ainda sente; o pensamento é esse agora; a agonia ainda acontece.

Não deixe virar pretérito muito menos rotina.
Encare.
Se for pra chorar, chore. Se for pra sorrir, sorria. Se pensar em mim, LIGUE.

Aos que se dispõe a estar com você, oferecer o ombro, aos bons ouvintes, aos companheiros de risadas...aos culpados das gargalhadas, aos “sacrificadores do descanso pré-prova”, aos ocupados que se desocupam por você, aos desocupados que se ocupam com/por você...Jamais os delete. São grandes culpados de momentos eternos. Amizades assim...

Meus "kiridus" a Rotina agradece pelas férias de mim, essa tarde!!! Amei!
Mas derrepente... coisas ruins na faculdade...no pensamento? "é... o dia estava bom demais pra ser verdade"
De volta em casa...
Duas *pequenas ótimas visitas acompanhadas de chocolate e coca-cola em minha casa. Às 23h!!! que legal! achei que iria pro quarto chorar rs. Fui pra cozinha, rir.
Tão irmanzinhas da irmã (até me dá o direito de ser irmanzinha também! rs eu acho). Me sentiria lisonjeada com tal apoio, afinal, não é todo dia que simpatizam-se conosco - né vizinha? hihi. Medalha Jóinha à mim e àquelas que encheram a cara (de Coca) naquelas horinhas de desabafos momentâneos.

Coca-cola gostosa.
Comentários espontâneos.
Ombros aliviantes.
Big McNífico Bacon + Ovomaltine - Delícia!
Piadas sem graça! Risadas bestas!...
Culpa do horário. Nem é tão tarde assim. É a Rotina que nos faz bocejar tão cedo.
Os BinLadens nos divertem. Mas o Universo não pára.
Vou pra "cama begunçada".
E ao invés de sonhar com a Rotina... posso sonhar, nesse sono, que respiro fuuuundo quando esse Universo, enfim, pára.

quarta-feira, 2 de abril de 2008

Delete as formigas...

Pequenas criaturas que marcam pra sempre.
Atualizando "meu querido diário" e relendo antigas páginas...
Engraçado ver a mistura de pensamentos desequilibrados e complexos né vizinha? "O equilíbrio decorre do homem poder compreender tudo com a ajuda daquilo que não compreende." "há complexidade quando elementos diferentes são inseparáveis" (diferentes citações - diretamente do blog BREAK TIME -... cada uma com seu esquisito significado...)
...
Houve a suspeita de eu dar aula de substituição em uma escola muito boa. Desde então meu coração palpita mais rápido e meus sonhos parecem ser mais... Sonhos...
Nas velhas páginas está escrito: "perdi meus sonhos..." e pedi ao Senhor que me desse sonhos...
Durou pouco. Fui lá... disseram que...
Não importa.
Eu duvidava mesmo! eu? lá? dando aula? tá bom.
Seria um episódio legal... eu diria quase o melhor da inédita temporada.
Falando em temporada...inédito..
Você tem a ultima temporada?! ...
Nem eu. Acho que não foi escrita ainda.
Mas da ultima, tenho o último episódio.
Hum...acho que foi o último.
Não sei. Eles voltam a escrever, a mesma temporada, quando já acabou só por que parece estar mais interessante? ou é nessa parte mesmo que eles param pra dar mais curiosidade aos espectadores, ou até aos coadjuvantes e protagonistas (que nunca sabem o que vão fazer)?
Estava eu de casaco e sem dúvida foi meu melhor episódio. Ainda não descobri se fui coadjuvante ou protagonista. Tenho convicção de ter sido uma mera espectadora por vários minutos, mas impossível alguns dos segundos eu não ter sido "protagonizante" --> agonizante? - SUGESTIVO - eram aquelas formigas subindo no meu pé!!!! Essas pequenas criaturas! QUE AGONIA!
Atuado?! escrevi isso? Que equívoco!
Não. Talvez até, quem sabe, depende, só uma coadjuvante. Atriz? não. Se sei atuar como atriz? em qualquer episódio, menos naquele, foi o último, muito pra eu simplesmemente "atuar"


Impossível.
Mistério.
Eu usava um casaco
Emprego novo?
Mera empolgação...
Momentos
Formigas.
Chega disso.
Chega de ficção.
Passou da hora.
Pés? CHÃO!
Nas velhas páginas...
Sentimentos tão honestos.
Mais uma fofura na minha vida, sem dúvida o melhor dos episódios.
Sigilo.
Ponto Final.
...
Peguei ônibus errado. Cadê o outro vale-transporte?? peraí! a Mel me deu dois pela manhã!... cadê o outro?!... Dei dois passes pro cobrador?!?!?!?! quero chorar....eram 13h30
13h30m50 meus olhos se enchem de lágrimas enquanto volto de "orelhinhas baixas pra parada de ônibus do outro lado da pista" "Que dia chatinho esse. Pensei que a nova temporada começaria mais legal...."
Eram 13h31: O celular que nunca toca, toca. "Larissa, é a X. A Y disse que quer você como substituta sim. Você ainda topa?! (risos sem graça da professora ter que voltar atrás. Imaginem! Não. Você só conseguirá imaginar se fizer parte de um corpo docente. Sempre passamos por "micos" por causa da coordenação! rs algo crítico mas faz parte da aventura desse emprego)" após pensar um milésimo de segundo pensei: "Siiim, educo suas pequenas criaturas por um dia."
Depois de tanto friiiiio, tantas formigas, nos pés, nas idéias, nas esperanças. QUE AGONIA! Acho melhor voltar pro meu livro, afinal, estou em uma biblioteca. O livro? se chama Mala Suerte.
Sugestivo? ... acho que não. Só engraçado. Formigas na comida, formigas nas idéias, formigas nos pensamentos! QUE AGONIA! começo a senti-las huuurrrr que agonia.
Relaxa.
Só a dos pés são reais.
As outras pequenas criaturas?! Acho que eu sou a agonizante formiga na consciência delas. Mas elas me cativam. Marcam pra sempre. As dos pés também. Fizeram do meu ultimo episódio mais
inesquecível. Eu usava um casaco... tava friiiiiio. E as formigas intrometidas como coadjuvantes.

terça-feira, 25 de março de 2008

Eu deletaria os "ventos"

Era noite de festa...eu observava o fogo que se mantia aceso pelo querosene dentro da garrafinha no alto de um bambu.
Enquanto muitos lá dentro cantavam, outros cozinhavam, eu recepcionava os convidados ao lado de um bambu com uma garrafinha de cerveja cheia de querosene com um pavil onde estava o foguinho queimando a pontinha do pavil.
Me inspirei nesse "foguinho" para este post.
O fogo era forte! apesar de não passar de uma pequena chama presa a um pavil, e apenas um, ou seja, seu espaço era bem limitado. Ele tinha, parecia ter, forças pra expandir muito ainda, causaria um belo incêndio. A fumaça também era forte. Esta não se decidia em que direção seguia, afinal de contas o vento a guiava, mas era forte. O pavil era um inútil! não passava de uma "cordinha" que deixava o fogo agir, POR CAUSA DO QUEROSENE, senão, coitado, seria ainda mais: um simples inútil pedaço de pavil!
Então eu observava a fumaça e todo o processo de querosene--> pavil--> fogo... e meus olhos começavam a lacrimajar...

Tenho percebido que eu não passaria de "um simples inútil pedaço de pavil" se não fosse Deus em minha vida, mantendo o Espírito Santo aceso, guiando meus passos, além da direção *contrária que as circunstâncias paracem estar.
Esses ventos...
As horas e os dias não parecem colaborar com obrigações e necessidades.
As realizações parecem ser tão desproporcionais aos sonhos.
O ombro amigo parece que desaparece em meio a rotina.
Os joelhos parecem não se dobrar...
A fé parece estar embaçada...
A coragem... se houver. . .?!
Tudo parece se resumir a um gigante Ponto de Interrogação.

Mas lágrimas sozinhas não movem a Deus
O desespero não intimida Deus...
Sei que a fé é a única voz que Deus respeita.

A fumaça podia seguir pra qualquer direção por causa dos ventos, mas o Fogo estava ali e não deixava de sustentá-la. O Pavil não tinha como se distanciar do Querosene que mantia o Fogo aceso.
Posso querer mudar de direção, por causa de meras cisrcuntâncias, me fingindo forte. Posso querer alimentar maus pensamentos e sentimentos. Mas não quero me distanciar do Deus que mantém o Espírito Santo aceso em mim.

Então...
"Escolho o amor...
Não há injustiça que justifique amargura. Buscarei amar mais a Deus e o que Ele ama.

Escolho a alegria...
Convidarei o meu Deus para que seja o Deus da circunstância. Recusar-me-ei a ver qualquer problema como nada menos que uma oportunidade de ver Deus.

Escolho a paz...
Viverei o perdão. Perdoarei para que possa viver.

Escolho a paciência...
Negligenciarei as inconveniências do mundo.

Escolho a generosidade...
Serei generosa para com o mau, pois é assim que Deus tem tratado a mim.

Escolho a virtude...
Confessarei antes que seja acusada.

Escolho a mansidão...
Se levantar a minha voz, que seja apenas em louvor.

Escolho o autocontrole...
Embriagada apenas pela alegria, comovida apenas pela minha fé, influenciada apenas por Deus, serei ensinada apenas por Cristo.
São as escolhas que faço ainda que os "ventos" estejam em outra direção. Caso eu seja bem sucedida, louvarei a Deus. Se falhar, buscarei sua graça. E então, ao anoitecer, colocarei minha cabeça sobre o travesseiro e descansarei."
Acredito que quando o céu está em silêncio, Deus está agindo.

(Para a edição desse post, pedi conselhos de Deus, Mike Murdock e Max Lucado)

ps: http://www.youtube.com/watch?v=K_rM0G_U0dI homenagem ao post ;)

Versão Dumbo (elefantinho gotoso) http://www.youtube.com/watch?v=f6VX_aNo0zs&NR=1

domingo, 17 de fevereiro de 2008

Sem saber o que deletar... sugestões?

Cartinha "meu querido diário"

"""(Quando uma coisa ruim acontece... tudo vem “à tona”)
... Se nada der certo, JURO QUE VIRO HIPPIE...vou rever meus talentos e dons... Bom é... mais ou menos isso... aflição total aqui dentro! Coração apertado pra caramba e contrito q só!! ... por trás desse “sorriso mais lindo” (como diz a Amiga Dê) ... vc descobre, agora, o tanto de coisa q se esconde! Não sei como consigo! Realmente! Dou aula pra criança quase todos os dias da semana, um monte de gente senta e contam suas tristezas e eu oro, intercedo e ainda escuto “vc sempre está com esse sorrisão?/ é tão bom te ver sempre com esse sorrisão! Parece que vc não tem problema” ...


Deus e como Ele é...

Nos deixa sem palavras com tamanho poder! Se até com meu sorriso Ele se preocupa! E sempre o sustenta! Quem dirá do meu coraçãozim chorão!... aposto que Ele vai sustentar tbm! Como já tem sustentado... lembro dos dois passos na areia... no meio do deserto... sempre que os vejo, lembro que são de Jesus... que está a caminhar ao meu lado no deserto... e nesse momento, Ele me carrega no colo. """

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

Control+Alt+Del ... pra tudo há um jeito!

Oui! trés bien! pra tudo há um jeito! se você está apanhando do pc?... clique em Control+Alt+Del e opte NOVA TAREFA! ... refaça um blog! affff rsrs essa foi minha primeira postagem galera! em novembro de 2007.
"laradeletando" ;) beijiiinho pra td mundo! e valew pra quem comentou! comentem de novo! hehehe
http://laradeletando.blogspot.com/